10 Filmes sobre A Jornada do Herói ou Monomito

Por Philippe Leão
Twitter: @Cineplotoficial
Instagram: @Cineplotoficial
Facebook: www.facebook.com/cineplot
A Jornada do Herói, também conhecida como Monomito, é um termo narratológico percebido por Joseph Campbell. O antropólogo analisaria que os mitos heroicos seguiriam o mesmo padrão narrativo que acabariam por influenciar diversas outras ao longo do tempo.  Budda, Perseu, Jesus Cristo, Theseu, Hércules e os demais tem suas histórias ao modelo monomítico.
O padrão está dividido em diversas partes onde três delas seriam as mais importantes:
A Partida:
Às vezes chamada de separação, é o momento em que o herói sai de seu lugar comum por diversas razões. Aprendizado, separação por traição das mais diversas, medos … Assim, o herói embarca em uma jornada, forçada ou não.
A Iniciação:
Nesse momento o herói está em sua jornada, tendo seus encontros com o mundo desconhecido e adquirindo potencialidade e conhecimento para seu retorno. A jornada pode significar, também, o enfrentamento dos medos como nos mitos heroicos de Perseu, Hércules e Theseu – O enfrentamento da medusa, os 12 trabalhos e o minotauro respectivamente – para que retornem aos seus lugares glorificados.
O Retorno:
O herói retorna para o seu lugar, seja para enfrentar seus antigos medos após os conhecimentos e força adquirida na jornada ou retornar como herói das conquistas em batalha na jornada.

– Star Wars

Star Wars

Direção:George Lucas
Ano: 1977
País: E.U.A
Luke Skywalker (Mark Hamil) sonha ir para a Academia como seus amigos, mas se vê envolvido em uma guerra intergalática quando seu tio compra dois robôs e com eles encontra uma mensagem da princesa Leia Organa (Carrie Fisher) para o jedi Obi-Wan Kenobi (Alec Guiness) sobre os planos da construção da Estrela da Morte, uma gigantesca estação espacial com capacidade para destruir um planeta. Luke então se junta aos cavaleiros jedi e a Han Solo (Harrison Ford), um mercenário, e junto com membros da resistência tentam destruir esta terrível ameaça.
 

– O Rei Leão

O Rei Leão

Direção: Rob Minkoff; Roger Allers
Ano: 1994

País: EUA

Mufasa (James Earl Jones), o Rei Leão, e a rainha Sarabi (Madge Sinclair) apresentam ao reino o herdeiro do trono, Simba (Matthew Broderick). O recém-nascido recebe a bênção do sábio babuíno Rafiki (Robert Guillaume), mas ao crescer é envolvido nas artimanhas de seu tio Scar (Jeremy Irons), o invejoso e maquiavélico irmão de Mufasa, que planeja livrar-se do sobrinho e herdar o trono.

 

– Planeta dos Macacos

mac1

Direção: Franklin J. Schaffner
Ano: 1968

País: EUA

George Taylor, um astronauta americano, viaja por séculos em estado de hibernação. Ao acordar, ele e seus companheiros se vêem em um planeta dominado por macacos, no qual os humanos são tratados como escravos e nem mesmo tem o dom da fala.

 
– O Senhor dos Anéis

 

Direção: Peter Jackson
Ano: 2001

País: EUA

Numa terra fantástica e única, chamada Terra-Média, um hobbit (seres de estatura entre 80 cm e 1,20 m, com pés peludos e bochechas um pouco avermelhadas) recebe de presente de seu tio o Um Anel, um anel mágico e maligno que precisa ser destruído antes que caia nas mãos do mal. Para isso o hobbit Frodo (Elijah Woods) terá um caminho árduo pela frente, onde encontrará perigo, medo e personagens bizarros. Ao seu lado para o cumprimento desta jornada aos poucos ele poderá contar com outros hobbits, um elfo, um anão, dois humanos e um mago, totalizando 9 pessoas que formarão a Sociedade do Anel.

 

– Milarepa

Milarepa

Direção: Neten Chokling
Ano: 2006

País: Butão

Milarepa morreu há mais de 900 anos, mas ainda é um dos nomes mais cultuados do Tibet. Filho de um pai rico, ele viu sua fortuna ser roubada pelos tios e passou a viver com a mãe na miséria. Cansada de sofrer, ela o mandou estudar magia negra com os feiticeiros nas montanhas para que voltasse poderoso e matasse os tios e os vizinhos que lhes viraram as costas.

 

– Édipo Rei

 Edipo Rei
Direção: Pier Paolo Pasolini
Ano: 1967
País: Itália

O filme começa em uma pequena cidade no norte da Itália. No campo, junto com algumas amigas, uma mãe amamenta seu filho, mas, por um breve instante, o pânico invade seus pensamentos. Em casa, o pai do menino teme que ele assuma seu lugar na vida e no coração da mãe. À noite, depois de uma festa, os pais dormem em um quatro. O menino repousa em outro. O pai acorda, vai ao quarto ao lado e tenta enforcá-lo. A cena se transfere para a Grécia Antiga, onde se passa originalmente a tragédia de Sófocles. Ali, o oráculo de Delfi prevê: se Laio, rei de Tebas, gerar um filho, esse o matará.

 

– O Incrível Exercito de Brancaleone

O Incrível Exercito de Brancaleone

Direção: Mario Monicelli
Ano: 1966

País: Itália

No ano 1.000 D.C., um bravo cavaleiro parte da França para tomar posse de suas terras. No caminho, ele é assaltado e assassinado por um bando de foras-da-lei que, de posse da escritura, decidem pegar por si o terreno. Para isso, eles precisam de alguém que finja ser o cavaleiro e acabam encontrando a pessoa perfeita no atrapalhado Brancaleone de Nórcia. Começa aí uma longa jornada, onde Brancaleone e seus homens enfrentam os mais diversos perigos.

 

– Lawrence da Arábia

Lawrence da Arábia

Direção: David Lean
Ano: 1962

País: Reino Unido

Em 1916, em plena I Guerra Mundial, o jovem tenente do exército britânico estacionado no Cairo pede transferência para a península arábica, onde vem a ser oficial de ligação entre os rebeldes árabes e o exercito britânico, aliados contra os turcos, que desejavam anexar ao seu Império Otomano a península arábica. Lawrence, admirador confesso do deserto e do estilo de vida beduíno, oferece-se para ajudar os árabes a se libertarem dos turcos.

 

– O Mágico de Oz

wizard_of_oz

Direção: Victor Fleming; George Cukor; Mervyn LeRoy; Norman Taurog
Ano: 1939

País: EUA

Após um tornado em Kansas, Dorothy, vai parar com sua casa e seu cachorro na fantástica Oz, onde as coisas são coloridas, bonitas e mágicas. Porém, o seu maior desejo é retornar de volta para casa, para isso ela deve encontrar um mágico, que lhe mostrará como realizar esse seu desejo. Para chegar até ele, contudo, Dorothy, viverá uma aventura inesquecível através do caminho de tijolos amarelos.

 

– Operação Dragão

Operação Dragão

Direção: Robert Close
Ano: 1973

País: Hong Kong

Determinado a vingar o assassinato de sua irmã, Bruce Lee, se infiltra na fortaleza isolada de um poderoso chefão do crime, que utiliza sua academia de artes marciais como fachada para tráfico de ópio e prostituição. Para cumprir sua missão, Lee, terá que participar de um torneiro de vida ou morte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *